27 3262-0877 / 27 3261-7595 comercial@villetarget.com

Henrique Carvalho, fundador do Viver de Blog, lançou seu primeiro ebook para venda em 2012. Em menos de 24 horas após o lançamento, ele já havia alcançado 5 dígitos de faturamento. Uma das maneiras de ganhar dinheiro com blog é justamente utilizar a automação de marketing para vender infoprodutos.

É claro que o sucesso não aconteceu, literalmente, do dia para a noite. Ele se dedicou meses para pesquisar e produzir um material extremamente rico, que fizesse a diferença para as pessoas. Houve dedicação, também, na hora de divulgar seu ebook.

Assim como Carvalho, você também domina um assunto e deseja compartilhar todo o seu conhecimento para milhares de pessoas? Então, um ótimo caminho é investir em algum formato de infoproduto. Se não tem ideia por onde começar, continue acompanhando este texto.

Vamos lá!

Afinal de contas, o que são infoprodutos?

Antes de mais nada, vamos deixar claro o que significa um infoproduto. Trata-se, basicamente, de um conteúdo em formato digital, que pode ser pago ou gratuito. Pode ser um curso online, um ebook, um webinar, revistas eletrônicas e por aí vai.

Normalmente, os criadores de infoprodutos são experts em determinado assunto e transmitem esse conhecimento para outras pessoas. Na internet, você encontra os mais variados infoprodutos: aprenda a tocar um violão, como se preparar para estudar fora do país, como cozinhar pratos típicos do Nordeste, comece a investir na bolsa de valores em 10 passos. Enfim, as possibilidades são infinitas.

automação de marketing para vender infoprodutos o que é

Aqui, é muito importante que o seu infoproduto seja realmente diferente de tudo que se pode encontrar na internet. Não adianta prometer rios e mundos na divulgação e entregar um conteúdo repetitivo e de pouco valor, principalmente se for um infoproduto pago. Afinal de contas, os usuários estão investindo dinheiro e tempo para estudar seu material.

Caso você faça um infoproduto “pobre” e, mesmo assim, consiga ter uma venda extraordinária, não é motivo para comemorar. Isso porque você pode manchar sua reputação. A consequência é ter dificuldades na hora de lançar seu próximo infoproduto. Portanto, pense sempre em construir uma boa reputação, logo no primeiro lançamento.

Formatos de infoprodutos

Como adiantamos acima, existem diversos formatos de infoprodutos. Se você escreve muito bem, uma ótima alternativa é apostar na criação de um ebook. Por outro lado, caso tenha desenvoltura à frente das câmeras, preparar videoaulas pode ser o melhor caminho.

  • Ebooks: esse tipo de material é um dos mais comuns. De modo geral, ele é dividido em diversos capítulos e tópicos para detalhar cada ponto do assunto abordado. Para deixá-lo mais leve e menos cansativo, recomenda-se incluir imagens que dialoguem com as mensagens do texto. E não se preocupe quanto à criação. Já existem muitas ferramentas para criar ebooks disponíveis na internet de forma rápida e intuitiva;
  • Podcasts: eles estão em alta. Para se ter ideia, segundo estudo do The Infinite Dial 2018, 44% dos usuários já ouviram podcasts ao menos uma vez na vida. Esse formato de infoproduto faz muito sentido se você pretende atingir um público que não tem o hábito da leitura. No geral, as pessoas gostam de consumir conteúdos em áudio quando estão paradas no trânsito ou mesmo no transporte público;
  • Videoaulas: dependendo do tema do seu infoproduto, esse pode ser o melhor formato. Imagine, então, um curso online de Yoga. Para o usuário entender como realizar determinados exercícios, fica muito mais fácil quando ele tem a possibilidade de assistir ao movimento, né? Você também pode criar conteúdos em vídeo caso seja uma pessoa extrovertida e que tenha uma ótima comunicação verbal. Se for capaz de prender a atenção das pessoas mesmo em temas mais densos, como investimento na bolsa, vale apostar nesse formato.
 

 

Vantagens em vender infoprodutos

Agora que já entendeu todo o conceito, vamos apresentar as vantagens em vender infoprodutos. Com um único infoproduto, é possível gerar um grande lucro, graças à possibilidade de vendê-lo para um público incontável.

1. Negócio escalável

Antes de lançar seu infoproduto no mercado, você precisa se dedicar bastante para produzi-lo. Isso inclui estudar bastante um tema a ponto de dominá-lo e, na sequência, produzir um material didático para um público interessado nesse assunto.

Mas você só tem todo esse trabalho uma única vez. Quando o infoproduto estiver pronto, não há limites de vendas. Em outros palavras, trata-se de um negócio escalável, em que você consegue expandi-lo sem ter custos adicionais com o passar do tempo.

automação de marketing para vender infoprodutos vantagens

Ao criar um curso de idiomas com um diferencial bacana, você pode vendê-lo inúmeras vezes sem ter que produzir algo cada vez que um interessado aparecer. Eventualmente, você pode fazer umas atualizações, mas o trabalho já está todo pronto.

2. Sem os problemas dos negócios físicos

Justamente por ser um negócio escalável e 100% digital, problemas comuns de um e-commerce não dão as caras. Dessa forma, não existem problemas de estoque ou distribuição e é impossível haver extravio, dores de cabeça tão comuns para quem trabalha com produtos físicos.

Você também não precisa ter um endereço comercial e, assim, assumir despesas de aluguel, conta de luz e água. Todo seu trabalho pode ser feito da sua casa.

3. Boa adesão do público

Cada vez mais, as pessoas estão buscando conhecimento direto na internet. E, quando o assunto for de muito interesse, nem pensam duas vezes antes de comprar. Esse novo comportamento do usuário abriu espaço para os infoprodutores alavancarem suas vendas.

Para ter noção, o mercado de cursos online e educação EAD faturou 107 bilhões de dólares em 2015 no Brasil, de acordo com uma pesquisa realizada em 2016 pelo departamento de estudos econômicos do Cade.

O acesso fácil à internet e o avanço das tecnologias móveis ajudam a alavancar a modalidade de aprendizado. Isso sem mencionar a flexibilidade que o usuário tem para consumir o conteúdo em qualquer lugar e a hora que quiser.

Passo a passo: como usar a automação de marketing para vender infoprodutos

Não custa reforçar que você precisa dominar um assunto a ponto de outras pessoas desejarem aprender com você. Aí, você desenvolve um material rico e bem aprofundado sobre o tema em questão. Lembre-se que esse processo inicial demanda muito tempo e dedicação.

Depois de tanto esforço, chega o melhor momento: lançar o infoproduto. Agora, você só terá sucesso nas vendas, se realizar um ótimo trabalho de divulgação. É aqui que começam os benefícios da automação de marketing para vender infoprodutos.

Abaixo, confira o que você pode (e deve) fazer na hora da divulgação. Para tanto, vamos apresentar alguns recursos da plataforma de automação de marketing ville Target.

1. Crie uma landing page personalizada

Produzir uma landing page (página de captura) para comercializar seus infoprodutos é muito importante. Isso porque, ela será sua vitrine e captador de clientes. Um interessado que visitar essa página online pode se tornar um cliente fiel a ponto de indicar seu infoproduto para amigos.

“Ah, mas eu não sei criar uma página web e nem tenho (quero) gastar dinheiro para algum desenvolvedor”. Essa desculpa não cola mais, hein! Com o ville Target, você consegue criar uma landing page grátis de forma rápida e intuitiva.  Com seu mouse, você arrasta e solta imagens, blocos de textos, vídeos e botões de call to action.

automação de marketing para vender infoprodutos landing page

Aliás, esses detalhes são muito importantes. Em meio a tantas informações na internet, a sua landing page precisa ser visualmente bonita para prender a atenção do usuário e, claro, causar uma ótima primeira impressão. Por isso, preocupe-se em caprichar na escolha das imagens da sua campanha, além de ficar atento ao tamanho e fonte do texto.

Outro ponto decisivo para a experiência do usuário é a velocidade de carregamento da página. Ela precisa ser imediata. Para tanto, você deve utilizar imagens leves para compor sua landing page.

Por fim, sabendo que a maioria dos usuários acessa a internet a partir de um dispositivo móvel, você deve divulgar seu infoproduto em uma página web responsiva. Aqui, outra vantagem do ville Target: automaticamente a sua landing page fica adaptada para todos os tamanhos de telas.

2. Investir em SEO

Quando alguém tem dúvida sobre determinado assunto, logo dá aquele Google esperto e problema resolvido, né? Mesmo as conversas de bar acabam com os questionamentos resolvidos no grande oráculo da internet.

Aqui, existem dois caminhos para aparecer na primeira página do Google: investir em mídia paga ou fazer um ótimo trabalho de SEO a ponto de o seu site aparecer nas primeiras colocações. Nessa segunda opção, você não gasta nada, além de tempo para adotar as boas práticas.

Então, se você escolher bem as palavras-chave, posicioná-las de modo estratégico e ter um conteúdo rico e relevante, a tendência é que a sua landing page apareça bem colocado. Provavelmente, os usuários, de cara, vão clicar na sua página para esclarecer suas dúvidas. Mais do que isso, eles até podem pagar para ter um pouco mais do seu conhecimento.

3. Divulgar nas redes sociais

De acordo com levantamento da Secretaria de Comunicação Social (Secom), do governo federal, 92% dos usuários de internet estão nas redes sociais. Isso representa pouco mais de 100 milhões de pessoas. Ao fazer uma divulgação nessas plataformas. suas chances de impactar seu público-alvo e persona aumentam consideravelmente.

Ao monitorar suas atividades nas plataformas, você descobre quais são os melhores horários para divulgar, ou seja, quando seus seguidores interagem mais com suas publicações. Provavelmente, cada rede social tem seu horário específico.

Entre as principais redes sociais, destacam-se Facebook, Instagram e Twitter. E você pode (e deve) utilizar mais um dos recursos da automação de marketing para vender infoprodutos. Aqui, estamos falando do agendamento de posts nessas redes sociais.

automação de marketing para vender infoprodutos redes sociais

Quando utiliza esse recurso, você não precisa mais entrar em cada plataforma só para fazer a postagem. É possível gerenciar todas as suas publicações em um só lugar e agendar tudo de uma só vez.

Além de publicar em seu próprio perfil, recomenda-se divulgar seu infoproduto em grupos segmentados. Por exemplo, você criou um curso online sobre investimento na Bolsa de Valores. Dessa forma, entre em grupos do Facebook que debatem esse assunto.

Certamente, quem está neles têm interesse pelo tema. Entre uma interação e outra, divulgue o seu material. Você vai impactar um público ideal.

4. Anunciar através de email marketing

Quem trabalha diretamente com a internet sabe todos os benefícios do email marketing. A ferramenta tem uma taxa de conversão bem superior às ações realizadas nas redes sociais, por exemplo. Isso porque ela proporciona uma comunicação muito mais direta e personalizada.

Se possui uma base de contatos considerável, você pode anunciar o lançamento de seu novo infoproduto disparando um email para toda a sua lista. Com o ville Target, é possível segmentar sua base de leads e agendar o envio de emails de forma personalizada.

De quebra, a plataforma apresenta as principais métricas de email marketing, como taxa de abertura e clique. Assim, você consegue medir o desempenho de suas ações.

Dica de ouro: vamos combinar que ninguém está disposto a pagar um valor por infoproduto sem ter a certeza de sua qualidade. Aqui, surge a importância de investir na prova social no marketing. De modo geral, quando um usuário lê e ouve opiniões positivas em relação a um curso online, ele fica mais propenso a realizar a aquisição.

Nesse sentido, vale muito a pena pegar depoimentos de pessoas que já compraram seu infoproduto e destacá-los em sua peça de email marketing, landing page e redes sociais. Essa ação pode ser o grande diferencial entre uma venda realizada e uma venda perdida.

5. Plataforma de afiliados

Por último – e não menos importante –, aparecem as plataformas de afiliados. Aqui, vamos destacar a mais completa de todas para os empreendedores digitais: o Hotmart. Nela, você tem a opção de ser um infoprodutor ou um afiliado que irá divulgar o infoproduto em questão.

automação de marketing para vender infoprodutos hotmart

Líder de mercado há mais de cinco anos, a plataforma conta com mais de 1 milhão de usuários cadastrados e comprometidos a levar o seu infoproduto ao maior número de pessoas possível. Desse modo, você consegue aumentar suas vendas sem gastar mais com marketing e vendedores. Desde 2011, já são mais de 700 mil pessoas que utilizaram a ferramenta nesse sentido.

Viu só como você pode usar a automação de marketing para vender infoprodutos? Se pretende fazer isso o quanto antes, não deixe de se cadastrar no ville Target. No plano gratuito, você tem acesso a todos os recursos para potencializar suas ações.

Sucesso!

workshop automação de marketing

Posts relacionados