27 3262-0877 / 27 3261-7595 comercial@villetarget.com

O que todo profissional de marketing de sucesso deve se perguntar é: “como engajar minha persona?”. Isso porque criar ações que impactam positivamente seu público-alvo surte mais efeito do que ter uma estratégia única para “vender, vender e vender”.

Atualmente, a venda pela venda não cria nenhuma identidade entre empresas e clientes. Trata-se de uma tática que tem resultados a curto prazo, mas que não se sustenta. É preciso construir um relacionamento sólido que não se quebre facilmente com o passar do tempo.

O ponto central para engajar minha persona é saber o que produzir para ela. E isso só é possível quando você entende quais são os desafios, objetivos, problemas e desejos do público-alvo e persona da sua empresa.

Conhecendo bem as características das pessoas que compram seus produtos ou serviços, você consegue identificar, também, o melhor canal para se comunicar com elas e que tom usar para interagir.

Tornar-se uma autoridade no seu mercado faz com que a sua empresa sempre fique no radar  o seu público-alvo. Mesmo que não faça uma venda no primeiro momento, certamente as pessoas vão lembrar da sua empresa no momento de compra. Isso porque você sempre está resolvendo problemas e tirando dúvidas.

Passo a passo para engajar minha persona

1. O que é uma persona?

O primeiro passo, claro, é criar a buyer persona da sua empresa. Uma persona é a representação de seu cliente ideal. Trata-se de um personagem fictício que representa as pessoas que regularmente fazem negócio com a sua empresa.

engajar minha persona buyer persona

Então, uma academia pode ter como persona o seguinte personagem: Mário, de 20 anos, estudante de Administração de Empresas e estagiário em banco. Está sempre preocupado com a aparência, gosta de viajar para a praia e ir para baladas aos fins de semana. Para manter a forma física, começou a fazer uma dieta de alimentação saudável.

Nesse exemplo hipotético, é interessante a academia criar conteúdos que reforcem a importância de uma alimentação saudável e, inclusive, dar sugestões de cardápio. Certamente, essas ações engajam positivamente seu público-alvo.

2. Coletar informações de sua persona

Agora, não se pode criar a buyer persona de forma aleatória. Aqui, é preciso observar as características de seus clientes atuais. Para facilitar esse trabalho, vale a pena integrar automação de marketing com CRM para pegar todos os dados fornecidos e gerados ao longo desse relacionamento.

Eventualmente, recomenda-se fazer questionários com seus clientes para traçar mais ou menos algumas características, como faixa etária, renda familiar, comportamento na internet, frequência de compra e por aí vai.

Mas cuidado para não produzir questionários extensos para que seus clientes não deixem de responder. Você pode coletar informações aos poucos, enviando um email marketing aqui, outro acolá.

engajar minha persona coletar informações

A partir de um perfil de persona, você consegue agrupar os leads por segmento, planejar estratégias e pensar em insights enquanto o lead passa pelas fases do funil de vendas e marketing.

3. Elabore conteúdo relevante

Criar conteúdos que respondam às dúvidas de suas personas é uma ótima maneira de manter o engajamento alto.

Ajude os seus seguidores nas redes sociais, compartilhe conteúdos que acrescentem algo a vida deles, faça tutoriais, explique uma dúvida. Tudo com base nas informações que você obteve sobre seu público-alvo.

Eles precisam enxergar na sua empresa como um expert no seu assunto de interesse. Então, funciona também compartilhar conteúdo de outra autoria, como dicas e novidades de outras marcas, além de provas sociais e opiniões sobre o mercado.

4. Não se limite a textos

O mundo é visual, não se esqueça. Posts com GIFs, infográficos e imagens são bem mais atrativos e apresentam desempenho, em média, 4,4 vezes melhor que apenas textos.

Imagens são mais consumidas e geram maior engajamento de leads. Então, publique sem medo nas suas redes sociais.

Diversifique suas atividades de acordo com cada rede sociais. Aproveite textos antigos e relevantes e transforme-os em infográficos e banners.

Plataformas como Fotor, Piktochert e Canva te darão um suporte incrível para esse tipo de produção.

Não deixe, também de utilizar ferramentas para criar ebooks. Atual menina dos olhos no marketing de conteúdo, os livros digitais funcionam muito bem para você aprofundar um tema mais denso.

Produzindo esse tipo de conteúdo você também diversifica seu contato e ainda, ao dar acesso ao seu público a esses materiais, pode solicitar o email deles, sem parecer estranho. Uma ótima forma de captar leads.

5. Vídeos aumentam a audiência

Dependendo do seu público-alvo, criar vídeos é o melhor caminho. Lembre-se que nem todos têm o hábito da leitura. Para se ter ideia, são consumidas 500 milhões de horas diárias com vídeos no YouTube e Facebook.

engajar minha persona vídeos

Compartilhe vídeos diversos nas redes sociais, mas elabore conteúdo autoral e suba no YouTube. Isso dá uma boa força para sua estratégia de SEO. Afinal de contas, o YouTube é o segundo maior site de buscas do mundo, ficando atrás apenas do Google.

6. Tenha presença nas redes sociais

Com mais de 130 milhões de usuários ativos nas redes sociais, certamente sua persona está interagindo nessas plataformas. Por isso, é fundamental marcar presença nesses canais.

Aqui, você precisa saber que as pessoas costumam entrar nas redes sociais para conferir as publicações de amigos e familiares. Elas não querem se deparar toda hora com anúncios. O momento é de descontração.

Por isso, é fundamental criar posts para engajar minha persona. Isso significa, na prática, falar aquilo que elas desejam, tenham interesse.

Uma dica é ficar de olho nos temas mais comentados do momento. Se for pertinente, vale a pena fazer um meme da moda. Dessa forma, você consegue reforçar a presença da sua empresa sem apelar para um anúncio publicitário.

Dias e horários adequados para postar

  • Twitter: para empresas B2C, finais de semana e os horários fora do expediente devem ser reforçados. Somado a isso, quarta-feira, durante o meio e final da tarde, é o melhor dia. Faça 15 tweets diários, em média.
  • Facebook: durante o meio da manhã e o início da tarde, de quinta a domingo. Nas sextas, seja alegre!
  • Instagram: uma ou duas publicações, em média, na segunda e quinta-feira.
  • Linkedin: sempre em horário comercial de terça a quinta-feira.

Lembre-se que essas informações são baseadas no público em geral. Faça testes com seus leads e desenvolva uma estratégia personalizada, hein!

7. Elabore chamadas atrativas

Na internet, os usuários têm poder para decidir o que vão consumir. E as suas campanhas competem com milhares de conteúdos de amigos e empresas concorrentes nas redes sociais, emails e aplicativos.

Para prender a conquistar a atenção de seu público-alvo, é fundamental criar headlines poderosas, que são pequenas chamadas. Elas precisam ser cativantes e com apelo emocional para que o usuário clique na sua peça de email, acesse o link de seu blog e curta seu post nas redes sociais.

Sabendo o que sua persona precisa, você consegue desenvolver títulos que despertem a curiosidade nela.

No entanto, cuidado! Mentir ou exagerar na chamada pode gerar frustrações. Só prometa aquilo que pode cumprir.

Como uma ferramenta de automação de marketing ajuda a engajar minha persona

Muito trabalho para identificar as características da sua persona e, ainda, criar ações para engajá-las, né? Para não perder tempo, você pode (e deve) contar com uma plataforma de automação de marketing para tornar automático todos aqueles processos repetitivos.

Além de ganhar tempo no dia a dia, a ferramenta permite que as suas ações impactem, de forma personalizada, cada usuário no momento mais adequado. Afinal de contas, não vale a pena encaminhar uma oferta por email marketing para as pessoas que ainda estão na fase de aprendizado.

Quer uma sugestão? O ville Target é uma plataforma de automação de marketing desenvolvida com tecnologia de ponta. Ela atua em todos os momentos da sua estratégia, desde a captação até a conversão de leads.

Nela, você cria, em poucos minutos, landing pages grátis para a captação de leads e ainda programa o envio de campanhas de email marketing para toda a sua base de contatos. De quebra, é possível analisar os resultados, como a taxa de abertura, clique e conversão dos emails e o número de leads gerados. Isso sem falar do agendamento de posts nas redes sociais.

Tenha todo o trajeto no lead na sua página através dos recursos Lead Tracking e Lead Scoring. Com eles, é possível verificar que tipo de conteúdo ele consome e pensar em maneiras de acompanhá-lo e direcioná-lo no funil de vendas.

Gostou? Então, cadastre-se agora mesmo e aumente o engajamento de suas personas!

automacao de marketing

Posts relacionados