(11) 3090-7535 / (27) 3262-0877 comercial@villetarget.com

Você sabia que existem grandes motivos pelos quais você deveria investir em links internos para SEO? Pode parecer trivial. Mas, na verdade, essa técnica é muito importante para quem quer posicionar o site entre as primeiras posições do Google.

Ao longo deste artigo, vamos relembrar o que é SEO, por quê é importante investir nessas estratégias e como funcionam os algoritmos do Google. Depois, começaremos a falar sobre os links internos e qual a sua importância para que você consiga ranquear bem em mecanismos de busca.

Portanto, não deixe de ler até o final!

 

O que é SEO?

 

Antes de tudo, vamos falar sobre o que significa esse conceito.

A sigla Search Engine Optimization é traduzida como Otimização para Mecanismos de Busca. No marketing digital, ela engloba uma série de estratégias desenvolvidas de acordo com os critérios do Google para classificar a relevância de um site.

Isso funciona da seguinte forma:

O Google conta com robôs que leem o seu site. Esses bots buscam uma série de fatores que determinam se o seu site é ou não relevante para os usuários. Inclusive, é importante sempre ter em mente que a experiência dos visitantes é o maior critério de autoridade desse mecanismo.

 

Links internos para SEO

 

Logo, o seu site deve apresentar boa navegabilidade e conseguir respondas às principais dúvidas dos internautas.

Otimizar o site significa, basicamente, cumprir esses critérios do Google. Quanto mais você facilitar a leitura, maiores serão as chances de que a sua página apareça entre os principais resultados de uma busca. E, como você já sabe, ficar entre as primeiras posições aumenta o seu tráfego orgânico e, consequentemente, suas vendas.

Dentre as principais técnicas de SEO, podemos destacar:

  • Uso de palavras-chave otimizadas;
  • Criação de meta title e description fortes e eficientes;
  • Otimização de imagens para leitura do Google;
  • Aprimoramento do tempo de carregamento do site e;
  • Utilização de links internos.

Este último critério é o grande foco deste artigo. Então, vamos entender melhor o que são os links internos para SEO?

 

O que são links internos?

 

Os links internos são aqueles que apontam para outras páginas de um mesmo site. Ao ler este artigo, você provavelmente percebeu que algumas das nossas palavras contém os chamados hiperlinks. Ao clicar nessas palavras, você é automaticamente redirecionado para artigos que tratam do mesmo tema.

Eles são chamados dessa forma porque encontram-se todos no mesmo domínio, ou seja, no mesmo site. Agora, se nós apontássemos para um artigo em outro blog, ele seria um link externo.

Quando falamos em links externos, a estratégia para SEO é conhecida como link building. Nesse caso, você constrói uma grande rede de indicações que faz com que o Google aumente a relevância do seu site e de sites parceiros.

Para saber mais sobre o link building, clique neste link interno!

 

Por quê eu deveria investir em links internos para SEO?

 

Existem três grandes motivos pelos quais essa estratégia deve ser inclusa no seu planejamento de marketing digital. Na verdade, fica difícil entender por quê ela é considerada tão banal quando pensamos em ranqueamento no Google.

 

Links internos para SEO

 

Uma simples mudança na forma como você distribui os seus links pode ocasionar um impulsionamento gigante no posicionamento. Isso porque:

 

O Google preza pelo bom conteúdo

 

O mecanismo de busca recompensa sites que se preocupam com o conteúdo de qualidade. Logo, se você presta atenção na forma como inclui novos links no site, isso significa que o seu conteúdo recebe a mesma atenção.

 

As estratégias de comunicação também são valorizadas

 

A distribuição de links internos para SEO é uma estratégia de inbound marketing. O mecanismo de busca é programado para reconhecer e recompensar esses esforços. Logo, quanto mais você investe no planejamento, maiores são as chances de aumentar o ranqueamento.

 

O conteúdo novo é imprescindível

 

Quando você inclui um link interno na sua página, você está basicamente dizendo ao Google que o seu artigo é completo, novo e atualizado. Ou seja, o usuário pode sanar todas as suas dúvidas a partir de um único link. Como já mencionamos acima, esse é o maior critério para um bom posicionamento: a experiência do usuário como um todo.

Além desses motivos do próprio Google para você investir em links internos para SEO, existem também algumas vantagens que essa técnica traz tanto para você, como para os usuários. São exemplos:

 

Experiência do usuário

 

Como já mencionamos, a linkagem interna oferece uma experiência muito melhor para quem acessa o seu blog. Por exemplo, você clicou nesse artigo para saber mais sobre links internos. Porém, ao se redirecionar para algum dos nossos hiperlinks, é possível aprender mais sobre SEO, link building, palavras-chave otimizadas e muito mais.

 

 

Dessa forma, o conhecimento é bastante aprofundado. Isso significa que o usuário tem a chance de ler sobre diversos temas que se interligam entre si,

 

Impulsionar conteúdos

 

Falando do seu site, você provavelmente quer que diversas páginas sejam acessadas. Um portfólio variado de acessos dos usuários significa que todos os seus conteúdos são relevantes. A melhor estratégia para garantir isso é a inclusão de links internos.

Afinal, quando alguém acessa o seu site, ele provavelmente tem uma única página de destino em mente. Porém, com a linkagem, você pode traçar o caminho desse usuário e incentivá-lo a conhecer diferentes URLs.

Quanto mais links internos você incluir, maior será o conhecimento. Porém, é preciso tomar cuidado para que esses links não acabem virando spam.

 

Links internos para SEO

 

Incentivar a jornada de compra

 

Traçar o caminho do usuário também é uma ótima forma de incentivar esse visitante a comprar seus produtos ou contratar serviços. Levando-o de página em página, você consegue fazer com que ele chegue até o carrinho de compras e aumenta as chances de conseguir uma nova venda.

Agora que você já sabe quais são os grandes benefícios de investir em links internos para SEO, chegou a hora de conhecer as melhores técnicas para que essa estratégia seja bem-sucedida. Como qualquer plano de marketing digital, existem alguns cuidados que você deve tomar para que a linkagem seja efetiva e que você não cometa erros de SEO que podem ocasionar em uma punição do Google.

Vamos lá:

 

Descubra quais são as 5 melhores estratégias de links internos para SEO:

 

Escolha palavras de qualidade

 

As palavras que você escolhe para incluir um link interno são conhecidas como texto âncora. O nome surge justamente porque elas são o que fazem a conexão entre a página em que o usuário se encontra e o endereço de destino.

Escolher bem o texto âncora é importante porque o Google consegue rastrear essa ligação. Ou seja, não adianta incluir qualquer link em qualquer palavra e achar que foi o suficiente.

 

Links internos para SEO

 

É preciso analisar bem as sentenças que serão linkadas para garantir que elas, de fato, acrescentam valor ao conteúdo. Por isso, avalie com cuidado os links que serão inclusos no texto e as palavras que o ancoram.

 

Crie uma seção de links recomendados

 

Se você não quer arriscar com os textos âncora, uma boa estratégia para valorizar os links é criar uma seção de recomendações. Elas geralmente são acompanhas de CTAs (Call to Action, ou Chamadas Para Ação) e incentivam o usuário a clicar nesses links.

As CTAs utilizadas geralmente são:

  • Saiba mais sobre o assunto;
  • Leia mais;
  • Clique para entender melhor;
  • Acesse para mais informações;
  • Veja também.

Existem diversas chamadas que podem ser inclusas aqui para criar essa seção. Por mais que o recomendado seja incluir os links internos para SEO de forma natural, essa estratégia é muito utilizada por blogs e sites de diferentes nichos.

 

Selecione os links de acordo com a importância

 

Dê uma olhada na estrutura do nosso blog. Aqui no menu lateral direito, você encontra diversas categorias, como por exemplo:

  • SEO e tráfego;
  • Redes sociais;
  • Marketing digital e etc.

Cada uma dessas categorias reúne uma série de artigos sobre os temas descritos. Então, por quê ao escrever o texto âncora “dicas de SEO” eu aponto para um artigo, e não para a seção geral?

 

Links internos para SEO

 

Ao incluir um link para uma tag, existe a chance de perder o usuário. Isso porque ele é bombardeado com diversos links de uma única vez.

Agora, se eu aponto para um artigo específico, ele provavelmente vai se interessar pelo tema e o tempo de permanência na página aumenta.

Você deve utilizar a mesma estratégia para incluir links internos para SEO em seus sites. A escolha deve ser feita de acordo com a importância da URL e a hierarquia dentro do seu artigo.

 

Evite incluir muitos links

 

Da mesma forma que bombardear o usuário com uma seção inteira de artigos estraga a sua estratégia, incluir links internos em excesso também pode fazer com que o visitante se canse. Além disso, o Google pode classificar o seu conteúdo como spam e penalizar a página.

Infelizmente, não existe uma receita única de qual a quantidade perfeita de links a serem inclusos em cada artigo. É preciso avaliar uma série de critérios para isso. São exemplos:

  • O tamanho do artigo;
  • A relevância do link;
  • Proximidade entre um link interno e outro e;
  • Texto âncora;

Enfim, é preciso fazer uma leitura do tipo de conteúdo que você oferece para incluir links relevantes e que, de fato, agregam valor para a leitura.

Existe uma ideia pré-determinada de que o ideal é que cada link interno esteja a 3 cliques de distância um do outro. Embora isso não seja uma regra, pode ser uma boa ideia para você começar a investir nessa estratégia.

 

Crie um gerenciamento de links internos

 

Um blog geralmente trata de conteúdos muito similares. Isso significa que o texto âncora pode acabar sendo o mesmo em diferentes artigos.

Isso faz com que você acabe incluindo os mesmos links sempre. O problema disso é que você cria um tráfego único para as mesmas páginas, sem variar o conteúdo.

 

Links internos para SEO

 

Além disso, o próprio usuário pode se cansar de acessar sempre os mesmos conteúdos e acabar desistindo da sua página.

Para evitar que isso aconteça, o melhor que você pode fazer é criar alguma forma de gerenciamento de links internos para SEO. Isso pode ser uma simples planilha no Excel com os últimos links utilizados ou até mesmo um documento elaborado que faça uma relação de conteúdos correlacionados.

O importante aqui é escolher a estratégia que funciona melhor para você!

 

Eu deveria investir em links internos para SEO?

 

Como você pode ver, existem muitos benefícios para o seu site e para os próprios usuários quando você investe nessa técnica. Além de ser algo muito fácil de fazer, os links internos podem fidelizar os seus leitores, aumentar o tráfego no seu domínio e fazer com que os clientes saibam mais sobre os assuntos que você trata.

Então, acredite: se você ainda não tem um planejamento definido, você está perdendo tempo!

Com as dicas que apresentamos aqui, você poderá começar a criar uma estratégia eficiente de linkagem interna. Ao monitorar os resultados, é possível que você perceba uma variação positiva no seu ranqueamento ao longo do tempo.

 

Links internos para SEO

 

Por isso, não se esqueça de acompanhar as métricas no Google Analytics. Assim, será muito mais fácil saber se você está no caminho certo. Boa sorte!

 

Outros benefícios do marketing digital

 

Além dos links internos para SEO, existe muito que o universo do marketing digital pode fazer para ajudar a sua empresa a crescer cada vez mais. Então, se você quer alcançar o sucesso, é essencial mergulhar cada vez mais nesses assuntos para aprimorar as suas estratégias.

Para saber tudo o que você precisa sobre marketing digital, não deixe de conferir os materiais gratuitos do ville Target. Aprenda tudo sobre gerenciamento de redes sociais, captação de leads, criação de landing pages eficientes, inbound marketing e muito mais.

Além disso, você pode também contar com as nossas ferramentas de automação de marketing para facilitar o seu trabalho. Comece a investir no futuro do seu negócio hoje mesmo!

Restou alguma dúvida sobre marketing digital ou links internos para SEO? Então deixe o seu comentário no espaço abaixo para que possamos ajudá-lo da melhor forma possível. Não se esqueça também de compartilhar este artigo em todas as suas páginas nas redes sociais.

Até a próxima!

 

automacao de marketing

 

Ebook Redes Sociais

Conheça estratégias e melhore a venda de seus produtos/serviços:

 

Quero baixar este Ebook !