(11) 3090-7535 / (27) 3262-0877 comercial@villetarget.com

Agora que você já conhece os benefícios do email marketing, pensa em investir nessa estratégia. No entanto, para dar bons resultados, é preciso construir uma base própria de contatos. Então, já sabe: você JAMAIS deve comprar listas de emails, hein!

Além dessa prática configurar crime, ela prejudica bastante seus resultados a longo prazo. Trata-se de um investimento que não compensa, que você paga muito caro para não ter retorno nenhum.

O ideal, portanto, é construir a própria base de contatos a partir do trabalho de captação de leads. Por mais que você demore um pouco para construir a própria base de contatos, percorrer esse caminho traz resultados muito mais consistentes a médio e longo prazo.

Talvez, você ainda acredite que comprar listas de emails é o melhor jeito de aumentar sua base de contatos. Mas vamos mostrar, abaixo, alguns ponto de por que você não deve fazer isso em hipótese alguma. Confira:

Comprar listas de emails é ilegal

Atenção: compra e venda de informações sigilosas são crime. Isso inclui a comercialização de bases de contatos de emails. Isso já é mais que suficiente para você não adotar essa prática, né?

Comprar listas de emails não é sinônimo de qualidade

Como se não bastasse ser crime, comprar listas de emails não traz nenhum benefício para a sua estratégia de marketing. Em primeiro lugar, são incluídos todos os tipos de emails nessas listas, com perfis e interesses bem distintos.

Quem garante que as pessoas que receberem seus conteúdos têm interesse neles? É bem provável que a maioria dos contatos da lista comprada não se enquadre no perfil de seu público-alvo. Por isso, não é de se estranhar que as taxas de abertura, clique e conversão diminuam. Lembre-se que, para o email marketing funcionar, é preciso enviar a mensagem certa para o público certo.

Muitos contatos inválidos

Pode acreditar: não importa quantos emails estão na lista, boa parte deles é inválida. Isso acontece porque eles foram obtidos através de técnicas de rastreamento de páginas na internet, sem nenhuma checagem.

Isso sem falar que outras empresas também compraram as mesmas listas de emails. Assim, a outra parte dos contatos recebe inúmeras mensagens por dia e, provavelmente ignora a maioria delas. 

Comprar listas de emails mancha a imagem da empresa

Nenhum endereço optou por receber sua mensagem, dessa maneira, quando você utilizar essa lista para disparo, será considerado um spammer. A primeira coisa que o contato vai pensar quando receber um e-mail seu será: “não faço ideia de como essa empresa conseguiu meu e-mail”.

Isso faz com que sua empresa fique com má fama no mercado. Além de se intrometer na caixa de entrada das pessoas sem ser convidado, o email da sua empresa fica marcado como spam. Em resumo, emails comprados podem gerar grandes números de bounces e complaints nas campanhas, que significam: retornos e reportados como spam, respectivamente).

Construa sua própria lista de emails

Enfim, dá para concluir que nada melhor que construir a própria base de contatos, né? Assim, todas as pessoas que receberem seu email marketing têm interesse nos produtos ou serviços da sua empresa, fazendo com que as taxas de abertura, clique e conversão tenham bons resultados. E você também não fica com a fama de spammer.

Agora, para captar os emails das pessoas interessadas na sua empresa, você pode criar, em seu site ou em uma landing page, campos personalizados para o cadastro de seus leads. Na sequência, segmente sua base de contatos a partir de alguns critérios, como sexo, idade, frequência de compra, principais interesses, entre outros. Por fim, é só criar conteúdos e disparar emails para sua lista de emails.

Ah, e você consegue realizar todas essas tarefas com o ville Target, a primeira plataforma grátis de automação de marketing do Brasil. Cadastre-se gratuitamente agora mesmo e tenha direito a inúmeras funcionalidades.

GIF animado email marketing

Posts relacionados