(11) 3090-7535 / (27) 3262-0877 comercial@villetarget.com

Existem dois termos muito falados e muito importantes no universo digital. Se você trabalha com o ambiente online, você provavelmente já se deparou com eles, mas talvez não saiba qual é a diferença de SEO e SEM. Sim, esses dois conceitos são cada vez mais relevantes e é preciso entender o que significa cada um para garantir as melhores práticas dentro das suas campanhas.

Ao longo deste artigo, vamos explicar o que é cada um deles e quando você deve investir em cada prática. Assim, você terá uma visão melhor do marketing digital e poderá melhorar os resultados da sua empresa.

Vamos começar pelo SEM!

 

O que é SEM?

 

O SEM (Search Engine Marketing – ou Marketing Para Mecanismos de Busca) é uma sigla menos conhecida como SEO. Porém, ela é parte importante do marketing digital.

E aqui está a grande surpresa: na verdade, SEO faz parte de SEM!

O Marketing Para Mecanismos de Busca pode ser definido como o grande guarda-chuva dos mecanismos de busca. Suas práticas são pensadas para garantir o bom posicionamento, considerando tanto o tráfego orgânico como o tráfego pago. Essas são, portanto, as duas grandes dimensões do universo de SEM.

 

Qual é a diferença de SEO e SEM?

 

Assim sendo, podemos concluir que não existe exatamente uma diferença de SEO e SEM. Afinal, a otimização acontece para ajudar a atingir os grandes objetivos do marketing para mecanismos de busca.

Agora que você já sabe o que é SEM, vamos falar sobre suas duas principais dimensões. A primeira delas é o SEO.

 

O que é SEO?

 

SEO (ou Search Engine Optimization – traduzido para otimização para mecanismos de busca) é um conjunto de técnicas desenvolvidas para otimizar sites, blogs e páginas na internet no geral para mecanismos de busca. Os critérios seguidos foram estabelecidos pelo Google, já que esse é o buscador mais comum ao redor do mundo.

O objetivo de aplicar essas técnicas é simples: fazer com que a sua página apareça entre as primeiras posições de uma busca no Google.

Isso é importante porque raramente uma pessoa passa da primeira página de resultados. Quanto mais alta for a sua posição, maiores serão as chances de conseguir o tão sonhado tráfego orgânico – ou seja, gratuito – para a sua página.

Dentre as principais técnicas de SEO, podemos destacar:

 

Qualidade e tamanho do conteúdo

 

O Google classifica os sites como baixa ou alta qualidade de acordo com a leitura do conteúdo. Essa leitura é feita pelos robôs, por isso o texto escrito é mais recomendado que o uso de imagens.

 

Qual é a diferença de SEO e SEM?

 

Ao escrever, considere que a mensagem deve estar clara e sanar todas as dúvidas que o usuário tenha ao realizar a pesquisa. Quanto ao tamanho, o recomendável é que o texto tenha até 2000 palavras, pois considera-se que o usuário online precisa de uma mensagem curta. Mas, lembre-se: isso não é regra. O importante é que o conteúdo seja claro e conciso.

 

SEO Title (ou meta title)

 

Conhecido pelos dois nomes, o SEO title é o título do seu site que aparece nas buscas do Google. É um dos fatores mais importantes, tanto para o rankeamento, quanto para aumentar o CTR do site (click through rate: mostra que o seu meta está atrativo e que as pessoas desejam entrar no seu site apenas pelo título. É uma das principais métricas a serem consideradas). Os principais fatores para um bom SEO Title são:

  • Ter, em média, 55 caracteres;
  • Conter a palavra-chave à esquerda, pois é para onde se dirige o olho do usuário;
  • Ser objetivo;
  • Conter mês e ano, o que passa a ideia de conteúdo atualizado.

Palavras-chaves

 

As palavras-chaves não integram a lista de diferenças entre SEO e SEM. Ou seja, elas são partes importantes de ambas as siglas.

 

Qual é a diferença de SEO e SEM?

 

Também conhecidas como termos de busca, elas devem aparecer de forma natural no seu texto, sem serem forçadas ou aparecerem muitas vezes. Caso a palavra seja muito repetida o Google entende o conteúdo como spam, o que é, com certeza, um dos erros mais comuns de SEO. Use a palavra-chave principal em H1 e suas variações ao longo do texto.

Essas são apenas algumas das principais estratégias de SEO. Agora que você já entende melhor esse conceito, vamos falar sobre o SEM.

 

Otimização de imagens

 

Os robôs do Google não conseguem ler imagens. Por esse motivo, é dever do SEO fazer com que eles entendam o que a imagem representa e consigam classificar a relevância da sua página.

Um dos principais fatores de otimização de imagens é o tamanho. Arquivos muito pesados demoram para carregar a prejudicam a navegabilidade da página. Felizmente, existem diversos sites que reduzem o tamanho, como é o caso do TinyPNG.

Após a redução do tamanho, você deve considerar também o nome da imagem. O que muitos profissionais fazem é salvar o arquivo com a palavra-chave principal da página entre hífens. No caso desse artigo, por exemplo, uma imagem seria salva como “diferencas-entre-SEO-SEM”. Isso ajuda o Google a indexar a imagem e reconhecer o contéudo.

O último atributo da otimização de imagens é o texto alternativo. Ele funciona como uma mini descrição do que a imagem representa para auxiliar os robôs. Assim, os usuários podem chegar até o seu site também pela busca de imagens!

Agora que você já sabe mais sobre SEO, vamos falar sobre a outra dimensão do marketing de busca. Caso você queira classificar uma diferença de SEO e SEM, lembrando que um é parte do outro, seria essa: as técnicas de SEO são gratuitas e a segunda dimensão de SEM precisa de investimento.

Aqui, estamos falando dos links patrocinados.

 

O que são links patrocinados?

 

Os links patrocinados são os famosos anúncios. Eles funcionam como uma forma de impulsionar a sua página e garantir que você apareça entre os três primeiros resultados da busca. Esse espaço é sempre reservado para as mídias pagas.

A gestão desses anúncios é feita pelo Google Adwords. Ao criar a campanha, é possível considerar uma série de fatores para segmentar os seus anúncios e até mesmo acompanhar o desenvolvimento da campanha. Dentre eles, podemos destacar:

 

Público alvo

 

Quando você cria uma campanha, é possível coletar dados como gênero, faixa etária e localização dos usuários que entraram na página, ajudando a definir o seu público.

Ao criar o anúncio, você consegue segmentar a veiculação do mesmo. Isso significa que os links patrocinados aparecem apenas para o público que você selecionou. Isso ajuda a garantir que a sua mensagem chega até o cliente certo.

 

Palavras-chave

 

Como falamos acima, as palavras-chave também não fazem parte da lista de diferença de SEO e SEM. Afinal, as keywords são parte importante de praticamente todas as estratégias de marketing digital.

 

Qual é a diferença de SEO e SEM?

 

Com o Adwords, você pode encontrar o search volume de palavras-chave relacionadas ao seu negócio. O search volume é o número de vezes que um determinado termo foi buscado no Google. Com essa informação, você sabe quais são as melhores Keywords a serem utilizadas em sua campanha.

Assim, você pode saber quais são as palavras certas para comprar. Quanto maior for o volume de busca, maior será o tráfego pago do seu site.

 

Canais de veiculação

 

Outro fator importante ao criar uma campanha paga é escolher o canal de veiculação do anúncio. É possível escolher dentre as seguintes opções:

 

Redes de pesquisa

 

As redes de pesquisa são os próprios mecanismos de busca do Google, o que significa que o seu anúncio aparece entre as três primeiras posições da pesquisa ou do lado direito da página inicial da busca ou dos grupos do Google (como o Google Maps, Google Meu Negócio, Google Shopping e etc). Essa é uma das melhores formas de conseguir o tráfego. Afinal, o olho do usuário vai direto para o topo da página! 

 

YouTube e vídeo

 

Também é possível veicular a sua campanha nos vídeos do YouTube e outros parceiros do Google. Esses links patrocinados aparecem geralmente em formato de banner clicável durante a exibição ou em teaser antes do próprio vídeo do YouTube começar.

Rede de display

 

A rede de display do Google é caracterizada por uma rede de sites relacionados ao conteúdo do seu anúncio. Quando você opta por veicular a campanha apenas nesta rede, os seus resultados não aparecerão em buscas, e sim em canais como o Google Apps, o Blogger e o Gmail, sendo sempre para usuários que têm a ver com a sua campanha.

 

Rede de pesquisa e rede de display

 

Essa é a forma de veiculação mais comum, já que permite a exibição do anúncio tanto na rede de pesquisa como na rede de display. Além de aumentar a sua exposição online, esse modelo permite que você conheça melhor o seu público alvo para poder segmentar a campanha no futuro.

 

Quanto eu pago em uma campanha no Adwords?

 

Se você viu que a maior diferença de SEO e SEM é o custo de investimento, você pode se sentir tentado a optar pela otimização para não precisar gastar. Porém, a boa notícia é que o investimento em links patrocinados pode ser bem baixo e depende de você!

Embora exista um valor mínimo de R$40 para anúncios, esse preço só é cobrado quando você deseja realizar o pagamento por meio de cartão pré-pago ou boleto bancário. Do contrário, não existe um valor pré-estabelecido para a veiculação de campanhas.

 

 

O investimento pode ser determinado das seguintes formas:

  • CPC (Custo por Clique): também conhecido como PPC (pay per click) significa que você só paga pelo anúncio quando alguém clicar nele.
  • CPM (Custo por mil impressões): essa categoria pode ser utilizada apenas na rede de display, pois o anúncio só é pago quando forem recebidas mil visualizações, independente da circulação do link patrocinado.
  • CPA (Custo por Aquisição/Ação): este modelo é muito utilizado por e-commerce, já que o pagamento do anúncio é feito somente após o usuário realizar uma determinada ação em seu site. Você mesmo escolhe qual é essa ação, que pode ser um download, uma interação, uma compra, etc.
  • CPV (Custo por Visualização): neste modelo, você define qual será o valor pago quando alguém assistir a um vídeo até o final. Esta categoria é mais avançada e requer um nível maior de conhecimento do que é Adwords e como funciona o investimento.

Em suma, o tempo de veiculação, valor do investimento e público alvo são todos definidos por você. Vale ressaltar que o Google Adwords também permite que a campanha seja pausada em momentos de menor visualização, como por exemplo de madrugada. Isso ajuda a economizar no seu orçamento e garantir que o investimento é destinado aos momentos em que mais usuários poderão acessar o seu site.

Investir em links patrocinados é ideal para qualquer campanha de marketing digital, já que os anúncios asseguram o tráfego no seu site e aumenta as chances de captar leads e até mesmo aumentar as suas vendas.

Pronto! Agora você sabe que, na verdade, não existe uma diferença de SEO e SEM e conhece as melhores práticas de ambas as dimensões do marketing para mecanismos de busca. Agora, chegou a hora de colocar a mão na massa e começar a desenvolver a sua estratégia para aumentar o tráfego do site. Boa sorte!

 

Conheça uma plataforma de automação de marketing

 

Você já conhece a plataforma de automação de marketing do ville Target? Agora, ela já conta com mais de 10 mil usuários ativos que utilizam o software diariamente para melhorar o desempenho de suas campanhas de marketing digital.

Afinal, com uma única ferramenta, é possível:

  • Agendar posts nas redes sociais;
  • Construir páginas de captura com uma simples função de clicar e arrastar;
  • Escolher entre dezenas de templates prontos para landing pages;
  • Captar leads;
  • Rastrear e pontuar leads;
  • Integrar a plataforma com mais de 750 softwares.

Ou seja, a plataforma pode mudar significativamente a forma como você trabalha com marketing digital. Tudo isso com a facilidade de contar com um plano gratuito e outros pacotes que cabem no seu bolso!

Além disso, aproveite também para conhecer os e-Books gratuitos do ville Target. Leia mais sobre as principais estratégias de inbound marketing, redes sociais e captação de leads para virar um especialista no assunto.

Assim, a sua empresa cresce cada vez mais!

Caso você ainda tenha dúvidas sobre a diferença de SEO e SEM, deixe o seu comentário no espaço abaixo. Aproveite também para compartilhar o artigo em todas as suas páginas nas redes sociais!

Obrigada e até a próxima.

Ebook Redes Sociais

Conheça estratégias e melhore a venda de seus produtos/serviços:

 

Quero baixar este Ebook !