(11) 3090-7535 / (27) 3262-0877 comercial@villetarget.com

Quando pensamos em leads, precisamos pensar em como torná-los clientes. Logo, precisamos pensar na captação, nutrição e conversão dos leads. O artigo de hoje será focado no processo de nutrição através da automação de marketing. Mais especificamente, vamos ver as vantagens da utilização de campos personalizados e tags na automação de marketing.

 

Calma, campos personalizados? Tags?

Sim, vamos com calma. Primeiramente precisamos entender o que são campos personalizados e o que são tags na automação de marketing. Sim, esta definição está linkada à automação de marketing, eventualmente é possível encontrar estes termos sendo usados com conceitos levemente diferentes. Isso porque é possível que eles estejam em um contexto distinto. Mas de qualquer forma, vamos às definições.

 

 

Campos personalizados

Na automação de marketing, campos personalizados se referem às características únicas de cada um dos seus leads. Estes campos são únicos e dados comumente encontrado nestes campos são: nome, data de aniversário, email, endereço, entre outros.

Você pode (e deve) criar campos personalizados com base no seu negócio. Uma clínica veterinária, por exemplo, pode querer saber a raça do seu cachorro e a idade do mesmo. Essa informação pode ser utilizada em campanhas futuras.

tags na automação de marketing tags

Tags

Tags na automação de marketing, se referem à uma etiqueta aplicada aos leads. Essas tags permitem que você categorize seus leads com base em ações que eles executem no seu site. Se um lead faz uma compra, o software pode aplicar a tag de “cliente”, de maneira automática.

Uma dica é, portanto, criar tags e, então, criar regras para aplicação das mesmas. Por exemplo, utilize a ferramenta de lead scoring para aplicar uma tag automaticamente a partir que o cliente atingir determinadas pontuações.

Por fim, é válido apenas explicar bem a diferença entre tags e campos personalizados. Tags são utilizadas para classificar de maneira geral para categorizar: gênero, clientes, ações executadas no site em geral (download de conteúdos, páginas acessadas, etc). Campos personalizados servem para identificar os clientes de maneira mais única.

Vantagem da utilização de campos personalizados e tags

As tags na automação de marketing e os campos personalizados têm uma função em comum: a segmentação. Quando falamos em segmentação, você precisa pensar em leads recebendo campanhas assertivas e relacionadas com suas características e preferências.

 

 

A segmentação dos seus clientes e leads pode, portanto, ser vista como a principal vantagem da utilização de tags e campos personalizados. Existem outras vantagens, que veremos ao fim do artigo, mas, por hora, é válido entender melhor porque segmentar sua base de leads é tão interessante.

Segmentar suas campanhas aumenta a taxa de permanência e conversão

Taxas de permanência e conversão são importantes métricas no marketing digital. A taxa de permanência está mais relacionada aos leads que não deixam suas listas de email, e deixam de visitar seu site. A taxa de conversão está, naturalmente, relacionada aos leads que se tornam clientes.

Acredita-se que é bem claro ver que um lead que recebe apenas conteúdo que ele está interessado, terá mais chance de não cancelar a assinatura. Agora, se um lead não cancela a assinatura, então, quando ele estiver pronto para fazer uma compra, as chances do mesmo optar pela sua empresa são altas. O que aumenta a taxa de conversão.

Facilita a produção de conteúdo

A segmentação permite que você crie conteúdos personalizados com base nos desejos e nas características dos seus clientes. Considere, novamente a veterinária do exemplo anterior. Enviar um email bem atrativo, porém generalizado, é mais difícil do que enviar um email mais específico.

tags na automação de marketing email

Isso tem raízes psicológicas. Ao receber um email genérico da veterinária, falando de produtos para gatos, pássaros, cães e outros pets, o lead se sentirá como “apenas mais um”. Mas ao receber um email específico, que o trata pelo nome e fala de produtos apenas para cães de porte similar ao seu pet, o lead se sentirá mais bem tratado.

Pode parecer complexo, mas na verdade não é. A utilização de nomes pode ser feita com o auxílio dos campos personalizados. Já a segmentação pode ser feita com o auxílio adicional dos tags. No fim das contas você pode ter que fazer vários emails (ou landing pages), mas estes emails serão mais simples de serem feitos. O retorno também será maior, o que compensa o tempo adicional.

Por fim, é importante citar que você não criará um conteúdo para cada lead. Na verdade, você criará um modelo de email ou landing page para cada tag ou campo personalizado. Na verdade você pode até mesmo personalizar landing pages e emails únicos com base nas ações do lead.

Permite o envio no melhor momento possível

Existem pessoas que tem o hábito de abrir emails apenas da parte da manhã, no caminho do serviço. Outras já tem o hábito de conferir as mensagens recebidas no horário de almoço. Você pode captar essa informação com base nos emails enviados, e então enviar os próximos emails no horário mais adequado.

tags na automação de marketing horário

Outro detalhe está relacionado às datas preferenciais para compra. Alguns clientes vão realizar a maioria das compras no dia 01, outros vão realizar contas no dia 10, e por aí vai. Essa data pode variar de acordo com a data em que seu cliente recebe o salário. Enviar um email nas datas em que você observa maior índice de compra é sempre uma boa ideia.

Você pode categorizar de acordo com a situação financeira

Já que tocamos no assunto de salário, é válido lembrar que os tags na automação de marketing e os campos personalizados permitem que você envie campanhas adequadas à situação financeira do cliente ou lead. Se você percebe que seu cliente compra apenas produtos com baixo custo e na promoção. Então é uma boa ideia enviar campanhas que visam compartilhar produtos deste tipo.

tags na automação de marketing dinheiro

Tags permitem que seu time de vendas conheça o cliente rapidamente

Ao utilizar tags na automação de marketing, seu time de vendas verá quais foram as ações realizadas pelo cliente. Isso possibilita que eles adequem o discurso com base nestas ações. Por exemplo, suponha que você tenha uma loja de venda de vinhos online, e um cliente baixou um ebook sobre vinhos franceses. Um vendedor pode então, oferecer um vinho francês na promoção ou em destaque para este cliente.

Se você busca por maneiras simples e práticas de executar estas ações, recomendamos o ville Target. Trata-se de uma ferramenta de marketing completa, que permite a criação de tags, campos personalizados e o envio de campanhas segmentadas. Você também pode, naturalmente, criar seus emails e landing pages, tudo através do ville Target.

GIF animado email marketing

Posts relacionados