(11) 3090-7535 / (27) 3262-0877 comercial@villetarget.com

O marketing, assim como todo processo, exige a repetição constante de algumas tarefas. É natural que seja necessário enviar o mesmo email para diversos leads em dias diferentes (de acordo com o momento de captação). Mas se existem tarefas de marketing repetitivas, então existem modos de automatizá-las. E o artigo de hoje é justamente sobre isso.

Automatização eficiente

Muitas pessoas assumem, erroneamente, que a automação de marketing automatiza, de fato, apenas o envio de emails. Mas isso é um erro. Para fazer uma comparação, seria como se uma máquina em uma linha de produção apenas apertasse os parafusos. Enquanto um trabalhador ainda seria necessário para pegar o parafuso da caixa e colocar no local para ser apertado.

Pensando na analogia, fica muito fácil ver como a máquina não, necessariamente, melhora tanto a eficiência do processo. Se o robô em questão fosse capaz de executar todo o processo automaticamente, desde a captação do parafuso até a fixação do mesmo na peça, o aumento de eficiência seria muito mais significativo.

tarefas de marketing repetitivas robô

O mesmo vale para as tarefas de marketing repetitivas. Um software de automação de marketing completo não irá apenas enviar emails. É importante que o software faça uma série de atividades de maneira automática:

  • Captação do email do lead (envolve armazenamento, colocação em uma lista específica, etc);
  • Envio de emails segmentados e personalizados (nomes do lead, por exemplo);
  • Acompanhamento das ações de cada lead e encaminhamento de leads quentes para equipes de venda.

Somente se o software for capaz de realizar todas estas atividades ele poderá ser considerado uma ferramenta não só eficiente, como também útil de fato. Vamos então ver agora como essas tarefas de marketing repetitivas podem ser automatizadas. Além de ver as principais vantagens da automatização.

Automatização do envio de email marketing

Se pensarmos na ordem da automatização o envio de email seria uma etapa mais intermediária. Primeiro temos a captação do email que ocorre de maneira conjunta com a segmentação. Mas vamos avaliar primeiro este aspecto da automatização porque ele é mais simples de entender.

Primeiramente, é importante entender o que é um envio de email automatizado. Isso porque, enviar emails de maneira automática não pode ser visto como uma mágica. Em outras palavras, não é necessário apenas comprar um software e esperar que ele envie os emails todos sozinhos.

Alguém precisa redigir os emails, pensar na estratégia de marketing, pensar nas maneiras de segmentar os clientes e definir as campanhas. Se pensarmos na analogia do parafuso, alguém precisa fabricar o mesmo. Para que a máquina pegue o parafuso adequado e coloque na peça adequada. Isso sim deve ocorrer de maneira automática.

Ou seja, de maneira resumida e clara. Alguém deve pensar em todos os aspectos da estratégia de marketing. Além disso existe a redação dos emails e a construção dos materiais de conteúdo, para a nutrição dos leads. O software terá a função de encaminhar cada email e cada material para cada lead no momento correto. Isso acontecerá de acordo com as preferências do lead e seu nível de engajamento.

A automatização do envio de emails é essencial

Após ler este texto, a ideia de automação de tarefas de marketing repetitivas pode ter ficado meio básica. Ou seja, é possível que alguns leitores considerem que o software de marketing não faz “muito”. Mas na verdade o software faz o serviço que iria requerer uma quantidade considerável de mão de obra. De maneira extremamente eficiente.

Pense da seguinte maneira: quantos leads você possui? 10? 250? 4000? 15000? Agora veja bem, um software de automação é capaz de enviar emails específicos para cada um destes leads. O envio ocorrerá no momento exato que um lead entrou em uma lista para receber um ebook. Cada lead receberá seu email customizado com seu próprio nome. E o conteúdo será sempre adequado com os interesses particulares dos clientes.

tarefas de marketing repetitivas email

Talvez um funcionário consiga fazer isso para 30 leads, de maneira pouco eficiente. Mas quantas pessoas seriam necessárias para a nutrição de 4000 leads? Logo, o papel do software é, de certa forma simples, mas o que ele não faz em termos de criatividade o software executa em termos de eficiência.

O paralelo com a indústria é bem claro. Uma máquina pode escolher o parafuso adequado, coloca-lo no local e apertar o mesmo. A máquina pode fazer isto, mais rapidamente, com mais precisão e confiabilidade que qualquer ser humano. Mas você ainda precisa de um engenheiro para projetar o equipamento fabricado (e a máquina que aperta os parafusos).

Principais vantagens da automatização do email marketing

Já vimos as vantagens ao longo do texto, mas não custa nada elencar as mesmas nos tópicos abaixo.

  • Robustez: Um único software é capaz de lidar com milhares de leads ao mesmo tempo
  • Eficiência: o custo de um software é mínimo, especialmente se comparado com o número de pessoas que seriam necessárias para executar a mesma tarefa.
  • Facilidade no acompanhamento: quantos abriram o email? Quantos ignoraram a mensagem? Tudo isso é possível e fácil com a automação.
  • Personalização: Cada cliente recebe um email com seu nome, o que torna o contato muito mais pessoal, auxiliando na construção da relação entre sua empresa e o cliente.

Automatização da captação/segmentação de leads

Acho que já sabemos que para enviar os emails da última seção precisamos ter destinatários. Logo, precisamos pensar na seguinte questão: como captar e segmentar leads? A captação e segmentação são exemplos de tarefas de marketing repetitivas. Você, como empresário, certamente sonha que essa atividade se repita dezenas de vezes diariamente.

Logo, se esta tarefa é repetitiva, é claro que um software é muito mais adequado para a sua execução do que um ser humano. Ao longo deste artigo vai ficar cada vez mais claro que seres humanos devem ser direcionados para funções criativas. A parte repetitiva é sempre do software.

Mas, voltando para a captação e segmentação, como um software executa tudo isto de forma automática?

Tudo começa com uma landing page

Assim como o envio de emails começa com a preparação e construção do email. A captação de leads também tem início no momento de construção da landing page. Um software de automação de marketing completo poderá te ajudar com esta etapa. Mas não podemos dizer que ele fará a landing page de maneira automática. Isto ainda é função de um ser humano.

Um detalhe é que, em geral, é importante que você ofereça algo em troca do email do lead. Algum material gratuito de qualidade é sempre um ótimo atrativo. Considere construir ebooks, minicursos, vídeos exclusivos e outras “iscas digitais”.

Mas, uma vez que você tem sua landing page pronta, o software é capaz de captar leads e colocar os mesmos nas listas adequadas. Por exemplo, um lead que mostrou interesse no “produto A” receberá emails relacionados ao mesmo. Enquanto quem mostrou interesse no “produto B” será agraciado com emails diferentes, que explicam e informam o produto em questão.

Esta etapa de captação e segmentação é algo simples para um software. Tudo é feito através de comandos simples e o software executa de maneira extremamente eficiente.

Automação no atendimento do chat

Existem alguns softwares chamados chatbot. Eles podem ser integrados à websites e às redes sociais, em especial, o Facebook Messenger. A função deles é responder às mensagens de chat de maneira automática. O que torna isto uma ferramenta eficiente no seu marketing e no seu atendimento ao cliente.

O interessante desta ferramenta em específico é que ela redefine o que é possível de se automatizar e o que não é possível. Mas, ainda assim, de certa forma esta ferramenta irá ajudar, principalmente, nas respostas mais frequentes e comuns. As perguntas mais incomuns ou raras podem, em muitos casos, serem deixadas para que um ser humano responda.

tarefas de marketing repetitivas chat

De maneira resumida, o chatbot analisa a pergunta ou o motivo do contato do cliente. Se a pergunta estiver previamente programada, o chatbot responde ao cliente. Em alguns casos o atendente automático pode pedir informações adicionais. Suponha que algum cliente queira saber o prazo de entrega da sua mercadoria, o chatbot poderia pedir o nome do cliente e algum documento, ou simplesmente o código do pedido.

Milhares de empresas utilizam o chatbot no mundo inteiro. O chatbot do Banco do Brasil, por exemplo, consegue responder o código swift do cliente sem que um atendente humano intervenha. Ele certamente possui diversos outros recursos e respostas programadas, este é apenas um exemplo real.

Emails “Autoresponders”

Emails autoresponders são, na verdade, mais uma técnica de automação de email marketing. Quando o assunto é email marketing, a técnica mais usada é a de envio de promoções, sugestões de produtos, avisos de produtos esquecidos no carrinho de compras, entre outros. Mas o email autoresponder é uma técnica eficiente de nutrição que é, essencialmente diferente e altamente eficaz.

Esta técnica visa o envio de emails em uma série, o número de mensagens e o intervalo entre cada mensagem é pré-definido. E funciona assim: suponha que algum lead faça a ação que desencadeie o envio deste tipo de mensagem. Ele receberá a primeira mensagem naquele momento e ficará agendado para que ele receba as próximas ao longo das próximas semanas.

tarefas de marketing repetitivas autoresponders

O momento que ele recebeu a mensagem dele será diferente do momento que cada lead receberá a própria mensagem. Assim como o dia e o horário de recebimento dependerá do momento em que ele entrou nesta lista em específico. O que é uma característica interessante deste tipo de técnica.

Em geral, o objetivo deste tipo de email em série é nutrir o lead sobre assuntos de elevada complexidade. Isso é possível porque você consegue enviar o conteúdo em vários “pequenos pedaços” o lead poderá então ler e assimilar estas informações com um tempo maior.

Uma dica final é utilizar artigos antigos do seu blog nestes emails. Novos leitores ou consumidores podem não ter vistos os artigos publicados há mais de um ano. Logo, utilizar artigos antigos nos seus emails (ou como links de sugestão de leitura) são uma ótima opção. Além de gerar tráfego para páginas mais antigas, você consegue economizar tempo com a criação de conteúdo.

Extra: Agendamento de postagens nas redes sociais

A maioria das atividades até agora citadas são totalmente automáticas. Isso no sentido que o software irá identificar uma necessidade específica e realizar uma ação programada. Agendamentos, por outro lado são diferentes, eles não podem ser considerados automações de maneira propriamente dita. Algum ser humano ainda deverá criar cada um dos posts e marcar um horário específico para a postagem.

Nenhuma ação realizada pelos seus seguidores nas redes sociais irá mudar o fato que a postagem ocorrerá. A preferência do seu seguidor pelo “produto A” não irá mudar o fato que, em determinados dias, a postagem irá se referir ao “produto B”. Logo, falar em automação de postagens nas redes sociais é algo mais complexo.

Claro, podemos postar mensagens repetidas nas redes sociais, o que tornaria a ideia de automação mais aceitável. Mas raramente a repetição de postagens é eficiente no Facebook e no Instagram. No Twitter, por outro lado, postar tweets repetidos pode ser uma boa ideia. O que torna o agendamento de posts repetidos uma possibilidade.

tarefas de marketing repetitivas rede social

Mas, porque estamos discutindo isso? Apenas para definirmos a diferença entre agendamentos de ações ou postagens únicas (não são exemplos de automação). E o agendamento de postagens repetidas e iguais (são exemplos de automação).

Perceba apenas que para postagens únicas é necessário uma ação para uma resposta do software. No segundo caso é necessária uma ação para múltiplas respostas (várias postagens iguais). Tendo isto em mente, é claro que é possível automatizar postagens nas redes sociais. Mas, tome cuidado com a repetição de postagens no Facebook e Instagram.

O agendamento de postagens ainda é importante

E, outra informação extremamente importante é: o agendamento de postagens (mesmo que únicas) é essencial. O agendamento permite que você escolha um dia e horário específico para suas postagens. Elas podem ocorrer no momento de maior movimento das redes sociais. O que garante uma alta visualização da mensagem.

Além disso, independentemente de qualquer fator externo, o post será publicado. Existem cuidados que devem ser tomados no agendamento. Mas isso não quer dizer que o mesmo não deve ser feito sempre que possível.

Se você busca um software de automação com diversos dos recursos citados aqui, uma ótima recomendação é o ville Target. Com ele você consegue automatizar várias tarefas de marketing repetitivas. Da captação do lead até o encaminhamento dele para a equipe de vendas. Tudo pode ser feito com o ville Target. Veja nossos planos e boa sorte nos negócios!

Banner WorkShop Automação de Marketing

Posts relacionados